Um pequeno trecho de O Legado

Gostou do que leu?
Quer saber como termina este conto?
Clica na capa do livro à direita e entre em contato para adquirir.

"Mas era um alívio para todos nós, quando ele reaparecia. A turma percebia a magreza, a pele escamada, e ainda uma que outra cicatriz no corpo. Mas era de novo o Sete, o companheirão de todos, que nos ensinava novas armadilhas para atrair pássaros e abatê-los sem piedade. E nos olhava com os mesmos olhos de um verde cada vez mais cinza, como se quisesse prender nossa lealdade e confirmar domínio sobre cada um, apenas com aqueles olhos penetrantes."

Trecho do livro "O Legado - as fantásticas histórias de J. Corellon", que estarei lançando amanhã, dia 12/11  na 62ª Feira do Livro de POA, às 20 horas no Pavilhão de Autógrafos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Série Poesia Visual