Marcadores da Arte - Exposição de marcadores na Chico Lisboa




Escritores escrevem. Artistas visuais criam arte visual.
Mas se ambos lidam com arte - arte literária e arte visual - fica difícil estabelecer uma zona limítrofe na criação.
Sou destes escritores que persigo os dois caminhos. 
Dizem, alguns de meus leitores que, meu texto é muito visual. 
E, quando crio uma imagem, seja fazendo arte postal, seja criando uma ilustração para um texto de minha autoria, atrás, bem atrás do traçado das linhas, existe uma narrativa.
Por isso, estou, no momento fazendo aulas de ilustração com a Nádia Poltosi, ilustradora que ilustrou meu último livro infantil - Um garoto bom pra cachorro.
Adoro a arte da colagem e tenho me dedicado bastante nas aulas com a Nádia.
Enfim, terminei o livro que vinha escrevendo desde o ano passado - O Legado.
É livro juvenil, digamos que uma continuidade de O Quadro na Parede, livro que publiquei em 2012.
No momento, ele está nas mãos do editor responsável pela publicação.
Enquanto isso, vou planejando  as ilustrações que eu mesma irei fazer desta vez, usando colagens.
Mas esta é outra conversa, que vou desenvolver por aqui, com bastante calma, adiantando um pouco de O Legado.

E como falei acima, além de escrever, eu me dedico também, em menor escala, às artes visuais.

Daí o convite:

Na terça-feira, dia 03 de junho abre a exposição de Marcadores da Arte, projeto da Chico Lisboa, onde estou entre os vários artistas visuais.
Sua presença é, como sempre, bem-vinda!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ilustrações do livro "O Legado - as fantásticas histórias de J. Corellon

                                                                         Capa                                               ...